• Bok2

Onde estará o futuro do Mercado Editorial?

Atualizado: Jun 26

Publisher da Editora Pausa, Silvia Tocci veio compartilhar a sua experiência dentro do mercado editorial e o seu relacionamento com a plataforma da Bok2, como forma de prosseguir e avançar, mesmo em meio a crise econômica, com os lançamentos e venda do catálogo de sua editora.


Por: Sílvia Tocci Masini


O mercado editorial vem sofrendo há vários anos. Com a dificuldade das duas grandes redes de livrarias, fomos ficando cada vez mais achatados, com muitas dificuldades e a crise chegou para todos que atuam na área. O autor que gostaria de ter a sua obra abraçada por alguma editora, perdeu muitas oportunidades de ver isso acontecer de forma mais dinâmica e eficiente. As editoras de um modo geral, colocaram o pé no freio quando o assunto era "lançamentos" e o maior prejudicado nessa história toda, sem sombra de dúvida, é o leitor.


É impossível prever o que será de cada um de nós após essa pandemia. O que sei é que temos sido extremamente desafiados para não deixar leitores e autores na mão.


Neste momento, corremos atrás de investir nos lugares onde o nosso leitor de fato estava: em casa e nas mídias digitais. A partir daí, redesenhamos o nosso plano de ação de marketing que passou a ser totalmente voltado para o digital.


E a Bok2 é uma grande aliada. Uma "livraria digital" - ou uma plataforma - que imprime sob demanda os livros que estão sendo vendidos nos canais online e entregando diretamente para o consumidor final. Eu, como editora, fico totalmente focada no conteúdo, buscando novos projetos, conversando com autores, editores e agentes no Brasil e lá fora, trazendo novidades o tempo todo, porque sei que enquanto eu cuido da produção editorial, a Bok2 cuida - e muito bem -, da produção gráfica, do comercial e da distribuição dos livros. A Bok2 é uma plataforma capaz de administrar tudo aquilo que eu não tenho tempo - nem dinheiro - para administrar.


Vivendo este cenário atual e essa experiência todos os dias, não posso deixar de citar a minha visão, como editora, da desconstrução do modelo de negócio que o mercado editorial vinha tendo. Acredito que a retomada do mercado editorial pós-pandemia tem muito a ver com a capacidade que as editoras terão de se reinventar e de buscar tecnologias capazes de auxiliá-las na venda, impressão e distribuição dos seus livros.










Silvia Tocci Masini


#editoras #mercadoeditorial #coronavírus

257 visualizações
  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook
  • Instagram

Todos direitos reservados. © Copyriright 2020. Desenvolvido por Phixies